Etiquetas

, , , , ,

O novo director do Jornal de Notícias enviou uma carta a vários colunistas. Entre os dispensados, estão Honório Novo, Oscar Mascarenhas e Alice Vieira. Numa prosa tão íntima como ridícula, Manuel Tavares enviou o mesmo texto  – só alterou o nome dos destinatários – para todos: “E porque esta não é uma despedida, gostaria que continuasse a considerar o JN como a sua casa e que sempre que lhe aprouvesse abrisse a porta e me viesse visitar. Sem ter de se anunciar, que é o modo de receber os amigos”.

Manuel Tavares justifica-se com a necessidade “de um jornalismo e de um jornal mais próximo das nossas gentes sem deixar de olhar todos os horizontes”. Fica a dúvida sobre quem serão as “gentes” do director do JN. Porque, na verdade, com a perda destes colunistas, desaparece uma boa parte da opinião dissonante e que estava mais próxima das nossas gentes e não das gentes de Manuel Tavares.

VER TAMBÉM:

 

in 5 dias.net