Etiquetas

,

Exmo. Sr. Director de Informação da SIC

Sem prejuízo de uma análise mais global à cobertura da SIC à candidatura de Francisco Lopes nestas eleições presidenciais, vimos por este meio manifestar o nosso protesto pela cobertura apresentada no Jornal da Noite de ontem, dia 18, onde não só se ignoraram as declarações do candidato durante o dia de campanha, como foi exibida em sua substituição uma peça inserida na rubrica “Campanha à margem” que se destinou a caricaturar os objectivos desta candidatura.

Ao contrário do que aconteceu com outras candidaturas, designadamente a de Cavaco Silva, a exibição pela SIC da rubrica “Campanha à margem” não anulou a existência de uma peça específica da campanha e das declarações desse candidato no respectivo dia.

Ao contrário do que aconteceu com outras candidaturas, designadamente a de Cavaco Silva, a matéria escolhida para a rubrica “Campanha à margem” sobre Francisco Lopes destinou-se a distorcer os objectivos desta candidatura, na base de uma tese falsificada– a de que a candidatura de Francisco Lopes tem objectivos internos no plano partidário – sem qualquer base, sistematicamente desmentida pelo próprio, incluindo à própria SIC.

A candidatura de Francisco Lopes exige o respeito por critérios de igualdade e rigor que não se registaram nesta peça.

Pela Candidatura de Francisco Lopes

Vasco Cardoso